Tendência em arquitetura: Poised Taupe é a cor do ano em 2017

Da Redação

Guarapuava  – As inquietações humanas, os últimos acontecimentos mundiais e num contraponto a busca pela tranquilidade, a necessidade de renovação  espiritual foram as inspirações encontradas pela Sherwin-Williams para a cartela de cores em 2017.

Com mais de 150 anos de mercado, a empresa internacional apresentou um composto de 40 cores divididos em quatro coleções. Luz da Noite, Simplicidade Essencial, Sem Fronteiras e Novos Rumos refletem a proposta inspiradora e a possibilidade de encontrar novas experiências.

A eleita do ano é a chamada Poised Taupe SW 6039, uma cor acolhedora, parte marrom barro e parte cinza conservador, um equilíbrio perfeito entre quente e frio.


(Foto: Monica Raposo/Divulgação)

Segundo Carol Derov, responsável por Color & Design Marketing da Tintas Sherwin-Williams na América Latina, a cor Poised Taupe é o reflexo do estado de espírito da tendência do design de interiores; é uma cor versátil e poderá ser usada nos ambientes internos ou externos, pessoais ou comerciais, para recarregar a energia e para deixar o espaço ainda mais acolhedor, podendo servir como complemento e elemento essencial para os projetos”.

Celebrando tudo o que as pessoas gostam sobre o frescor do cinza e o calor do marrom, a cor do ano não é fria nem quente, não é cinza nem marrom, mas sim, uma cor de equilíbrio e de harmonia.

Como pano de fundo para uma infinidade de combinações de tons pastel e profundos, SW 6039 age como reflexo dos anos 70 e 90 em design, e passa a mensagem de equilíbrio e bem-estar.  A cor é estimulante e instiga desde o dramatismo ao sensualismo, do refúgio da luz à imersão do introspectivo, da entrega ao nostálgico às mudanças culturais e ao novo romantismo.

 

(Foto: Monica Raposo/Divulgação)

Numa palestra que reuniu arquitetos de Guarapuava, na noite de terça (25), no Kuster Hotel, o Espaço das Tintas, loja especializada em tinta imobiliária, trouxe a arquiteta Luana Ferreira. O conteúdo apresentado aos convidados mostra uma mudança nas preferências dos tons monocromáticos em direção aos neutros multidimensionais, numa tendência alinhada ao que há de mais moderno no setor, apresentado aos profissionais de arquitetura, design e decoração, a direção do que virá pela frente, a partir de quatro coleções.

A COR DO ANO

Viajando ao redor do mundo, “tornou-se claro que os neutros estão começando a transição do cinza monocromático dos últimos cinco anos para um cinza com um tom de marrom”, disse Carol Derov, citando inclusive uma pesquisa recente da Tintas Sherwin-Williams, onde quase 40% dos entrevistados manifestaram o desejo de incorporar na decoração os tons neutros mais quentes, como cinzas quentes, amarronzados ou beges. Além disso, mais de duas em cada cinco pessoas, escolheram este tom como um neutro atemporal.

Na busca por espaços autênticos que recarregam o espírito em tempos de incerteza e onde a perfeição parece a ideal, SW 6039 é como um barro marrom e um cinza conservador que “abraça” quem chega, possibilitando uma infinidade de combinações.

“Por exemplo, quando usada com o tom acinzentado Stardew (SW 9138), a composição é encantadora e lembra um campo francês. Já com o vibrante avermelhado Rave Red (SW 6608), a combinação evoca uma sensação natural da rocha vermelha manchada. E, com o azulado profundo Marea Baja (SW 9185) e o amarelado Bee (SW 6683), a combinação é muito moderna”, completou.

(Foto: Monica Raposo/Divulgação)

Com influências de materiais naturais ou orgânicos e de acabamentos desgastados, Poised Taupe oferece dimensão e complexidade, mas também é sutil e pode ser aplicada em muitos ambientes. Nos comerciais, por exemplo, a composição com Mudslide (SW 9113), Sealskin (SW 7675) e Casa Blanca (SW 7571), indica o rumo da tendência para 2017. Confira o conceito de cada coleção:

LUZ DA NOITE

(Foto: Monica Raposo/Divulgação)

Está entre nossos bens mais valiosos: a noite. Desejamos um refúgio da iluminação das ruas urbanas e seus painéis brilhantes, espaços de introspecção para vagar nosso olhar e renovar o espírito. Uma nostalgia comovente alimenta um novo romantismo, marcado por padrões medievais, hábitos revividos e um encanto agridoce. Os mestres holandeses sabiam o segredo: tons escuros marcam uma fase dramática para um brilho sensual. Esta paleta é rica em vinhos aconchegantes, azuis nórdicos e frios, neutros clássicos e atemporais e amarelos preciosos.

De acordo com Carol,  "por sermos excessivamente expostos à luz urbana e às telas eletrônicas, esta coleção traz cores escuras e ricas, cores profundas que são influenciadas por um novo romantismo dramático e sensual. Cores que nos levam à introspecção e nos ajudam a refletir. No espaço residencial ou comercial, todas as paredes podem ser pintadas com estas cores que apresentam um efeito barroco também”. 

SIMPLICIDADE ESSENCIAL

Design sustentável e transparência radical são os novos padrões. À medida que nosso dia a dia avança para um futuro em nuvem, é preferível adquirir experiências do que comprar mais objetos. “Praticar o bem” é o novo ideal, podendo se apresentar no formato de “turismo voluntário”, retiros espirituais e ecoturismo. Perseguimos um ideal evasivo, ilusório, um luxo sob medida. As estradas desta jornada estão revestidas com neutros gelados, rosas nobres e marrons selvagens.

De acordo com Carlo, as cores suaves podem ser utilizadas na indústria de cuidados à saúde, pois traz tons quentes e calmos, misturadas com cores frescas e arejadas, combinam com locais de recuperação. "Excelentes para um espaço de retiro de cura e ambientes que exaltam o desejo de estar próximo à natureza, esta coleção pode ser tranquilamente adaptável ao espaço comercial e residencial”. 

NOVOS RUMOS

O virtual e o real se harmonizam perfeitamente no âmbito comercial e o “escritório colaborativo” é uma prova concreta disso. Impacientes, buscamos sempre nos reinventar, seja para uma reunião, um encontro social ou uma grande mudança política. A identidade nunca foi tão fluída. “Você é você” é o mantra de uma nova geração voltada para a autoexpressão e aclamado pela sua #galera. Há uma energia exuberante neste momento, recebida em tons ardentes e cores vibrantes, como as de um lindo quimono de gueixa.

“Esta cartela pode ser aplicada nos espaços residenciais, na indústria hospitalar, nos hotéis que buscam inspiração também na tecnologia e inovação. Com cores ousadas, o objetivo é fornecer ao ambiente uma energia que reforça a importância do autoconhecimento”, afirma Carol.

SEM FRONTEIRAS

A imigração global está redefinindo fronteiras, nacionalidades e senso de coexistência. Agora, somos cidadãos do mundo. Cada vez mais, marcas estão com propósitos definidos e comunidades estão mais conectadas. Por sua vez, o design tem se adaptado a diversas culturas. O consumismo, de fato, acabou. Hoje, estamos mais propensos a investir no melhor que podemos nos permitir, desenvolvido e personalizado, e depois mantê-lo conosco para sempre. A consciência global é um mural pintado em tons de água-doce, oceano azul, vermelho intenso e inspirações da natureza.

“A imigração global e as fronteiras redefinidas fazem parte do novo cenário nacional, e esta coleção reflete a nova identidade do país diante da conexão com os diversos povos e culturas. A exemplo do mostarda da terra, o vermelho e o verde saturados podem ser aplicáveis em muitos espaços, então, poderíamos usar essas cores em todo o lugar!”, diz Carol.

ARQUITETOS APROVARAM

Para a arquiteta Liliane Wilhelm, eventos com o promovido pelo Espaço das Tintas, proporciona conhecimento a mais para quem atua na área. “Todo ano muda a tendência da cores. E essa proposta apresentada será muito bem aceita pelo mercado guarapuavano”. De acordo com a arquiteta, o cinza e o marrom foram a combinação entre o quente o e frio e não ficam desatualizadas”.

Já o arquiteto Maurício Henrard diz que as cores propostas pela Sherwin-Williams vibrantes ao mesmo tempo que passam tranquilidade. “São mais marcantes, mas não são cansativas e que podem ser levadas para casa sem restrições”.

Maurício Henrard também elogiou a iniciativa do evento. “Esses encontros são estimulantes para a classe. Além de conhecermos as tendências do mercado, promovem a discussão, a troca de ideias que nos permitem evoluir em comunidade.” Segundo o arquiteto, o convívio da classe é saudável. “Somos colegas de trabalho, não temos rixas”.

Michelle Kulka, sócia proprietária da empresa ao lado da sua irmã Márcia, disse que outros eventos como esse serão realizados. “Esta foi uma noite muito especial e vamos realizar outras”, afirmou.

A loja Espaço das Tintas fica na Rua Sebastião de Camargo Ribas, 2031, no Bonsucesso. 

Este conteúdo é um informativo publicitário.

Relacionadas

DESRESPEITO

Ao ser abordado pela equipe de fiscalização, homem ofende profissionais

SEM NOÇÃO

Festa com cerca de 50 pessoas e drogas é encerrada em Guarapuava

CONFUSÃO NA PANDEMIA

Jovem é abordado por desrespeitar toque de recolher e tenta agredir PM

Comentários