Polícia Civil prende acusado de matar Juliano Palácio de Ramos

Juliano foi assassinado na noite do dia 21 de janeiro com 11 facadas. Na ocasião, um homem de 48 anos ficou ferido por tiros

O suspeito foi recolhido à Cadeia Pública de Guarapuava (Foto: Ascom/Polícia Civil)

Um homem de 49 anos foi preso, no bairro Conradinho, pela Polícia Civil de Guarapuava acusado de assassinar Juliano Palácio de Ramos, 33 anos, na semana passada no bairro Colibri. A informação foi repassada pelo setor de setor de homicídios da polícia no início da tarde desta quarta (27).

Conforme as informações preliminares, coordenadas pelo delegado Bruno Miranda Maciozek, ainda estão sendo apuradas as motivações do crime. O acusado foi recolhido pelas autoridades na Cadeia Pública de Guarapuava, anexa a 14ª SDP em Guarapuava, onde aguarda a disposição da Justiça.

No dia do crime, um homem de 26 anos foi abordado pela Polícia Militar e autuado por tentativa de homicídio do suspeito preso hoje (27).

RELEMBRE O CASO

Juliano Palácio de Ramos, 33 anos, morreu, e outro de 48 anos ficou ferido depois de um desentendimento na noite do dia 21 de janeiro em Guarapuava. A situação ocorreu no bairro Colibri. O homem de 33 anos foi atacado com golpes de arma branca, e o de 48 anos foi atingido por disparos de arma de fogo.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

SURTO DE COVID-19

Saúde de Guarapuava confirma 71 novos casos e fiscais fecham sorveteria

DESAPARECIDO

Mãe procura por adolescente de 16 anos que está desaparecido

CORRE SE INSCREVER

1º Juizado Especial Cível abre vaga para estágio em Guarapuava

Comentários