Em novo recorde, Brasil confirma 4.211 mortes por covid-19 em 24h

Em Guarapuava a covid-19 já matou 222 pessoas. Em todo o Paraná, conforme a Sesa são 17.568 mortos e 859.300 casos confirmados

Em Guarapuava a covid-19 já matou 222 pessoas. Em todo o Paraná, conforme a Sesa são 17.568 mortos (Foto: NIAID/Fotos Públicas)

O Brasil registrou 4.211 mortes por covid-19 nas últimas 24 horas. Essa é a primeira vez  que o país ultrapassa a marca das 4 mil mortes em um só dia. Até essa terça (6) eram 337.364 vítimas. Com isso, a média móvel de mortes no país nos últimos 7 dias ficou em 2.775. Um aumento de 22% em relação a média de 14 dias atrás.

De acordo com as informações, os números refletem o represamento de dados do fim de semana estendido após o feriado de Páscoa. Isso porque aos sábados, domingos e feriados, com menos equipes trabalhando, é comum que os números fornecidos venham menores.

Além do Brasil, apenas os EUA já registraram mais de 4 mil vítimas em um único dia. O país norte-americano anotou 4.476 mortes no dia 12 de janeiro, segundo o portal Our World in Data. Assim sendo, o país com a terceira pior marca é a Argentina, com 3.351 mortes anotadas em 1º de outubro do ano passado.

GUARAPUAVA

Guarapuava confirmou mais cinco mortes por covid-19 nessa terça (6). Além disso, a Saúde informou 62 novos casos. Dessa maneira, Guarapuava superou a marca de 11,8 mil casos positivos da doença, chegando a 11.805. Ainda de acordo com as informações, com as mortes confirmadas, o município contabiliza 222 vítimas.

O boletim diário da Saúde municipal informou que 807 pacientes continuam sob o status de ativos, ou seja, com alto potencial de contaminação. Já os recuperados, somam 10.776 e descartados 10.073. Os casos em investigação totalizam 83.

PARANÁ

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) divulgou nessa terça (6) 4.255 casos confirmados e 282 mortes em decorrência da infecção causada pelo novo coronavírus. Os dados acumulados do monitoramento da covid-19 mostram que o Paraná soma 859.300 casos confirmados e 17.568 mortos em decorrência da doença.

(*Com informações do G1)

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

LUTO

Covid-19 tira a vida do deputado federal José Carlos Schiavinato

INTERNET

Certidões de nascimentos e óbitos crescem 162% na pandemia no Brasil

VAGAS NOS CURSOS

Inscrições para o Sisu nas universidades estaduais acabam amanhã (14)

Comentários