Em busca do índice olímpico, atleta da UniGuairacá participa de camping na Europa

O foco de Tatiane Raquel Silva é chegar às competições de dezembro: o GP Brasil e o Troféu Brasil. Ela é a melhor atleta do país nos 3 mil metros com obstáculos

O treinamento será em Portugal (Foto: Ascom/Uniguairacá)

A atleta Tatiane Raquel Silva, do Centro Universitário UniGuairacá, vive um novo desafio. Isso porque ela vai integrar o projeto “Missão Europa” e participa, por 30 dias, de um camping de treinamento promovido pelo Comitê Olímpico Brasileiro em Portugal.

De acordo com a assessoria de imprensa da instituição, os treinos serão em Rio Maior, a 75 quilômetros da capital Lisboa. Desse modo, o país europeu foi escolhido pelo Comitê Olímpico por já ter uma situação de maior controle da pandemia. Além disso, os atletas passaram por exames antes e depois de chegar em solo europeu.

Ainda conforme as informações, o foco da egressa de Educação Física, é chegar às competições de dezembro: o GP Brasil e o Troféu Brasil. Além disso, ela é a melhor atleta do país nos 3.000 metros com obstáculos. “Estou em busca do índice olímpico. Assim, esse período na Europa irá me ajudar bastante na qualidade dos treinamentos, tendo em vista a estrutura disponível aqui para a modalidade”.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

AVANÇO

Em apenas um dia, Guarapuava confirma 4 mortes por covid-19

ATENÇÃO

5ª Regional de Saúde registra primeiro caso suspeito de Zika Vírus

FOLIA DO BEM

Shopping 'Cidade dos Lagos' entrega doações à Associação Canaã

Comentários