Casal que morreu em acidente tentaria ‘uma vida melhor’ em Itajaí

O casal foi vítima no acidente na BR-376 em Guaratuba. De acordo com o relato do tio do jovem, eles estavam indo trabalhar e morar em Itajaí

Casal que morreu em acidente tentaria ‘uma vida melhor’ em Itajaí (Foto: Reprodução/Banda B)

Um casal que morreu no acidente na BR-376 pretendia ter uma vida melhor em Itajaí. De acordo com o relato do tio de João Paulo Ferreira Santos de 19 anos, ele e a a namorada Emanuelle Cristina Miranda de 25 anos estavam indo morar e trabalhar na cidade.

O corpo do casal foi reconhecido no Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba. Eles integram a lista de 19 mortos no acidente. Foi justamente o tio de João, Pedro Marcos, que veio de Belém (PA) para liberar o corpo do sobrinho. Conforme informações do Portal BandaB, ele chegou por volta das 22h30 em Curitiba e relatou que contou com a ajuda de muita gente para conseguir ir até o local.

As informações que tínhamos era apenas pela televisão, não sabíamos se estava vivo ou morto. Mas tive ajuda de muita gente pra conseguir vir aqui. Infelizmente, veio a triste notícia, ele era um dos mortos. Temos que ser forte e estamos tentando ajudar outras famílias.

Conforme o tio de João Paulo, objetivo dele e a da namorada era morar em Itajaí. “Outros dois irmãos dele já vive em Itajaí e um primo. Então, ele e a namorada queriam isso para tentar uma vida melhor. Infelizmente, essa fatalidade”.

Os corpos do casal serão liberados para os familiares. Uma tratativa está sendo feita entre os familiares e o Governo do Pará para que haja auxílio no traslado dos corpos às cidades de origem.

O ACIDENTE

Um acidente com um ônibus na BR-376, em Guaratuba, deixou 19 mortos na manhã dessa segunda (25), segundo o Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA). Segundo a polícia, o acidente deixou 33 pessoas feridas, sendo sete delas em estado grave e seis com ferimentos moderados.

O acidente aconteceu na altura do km 668, no trecho conhecido como Curva da Santa, por volta das 8h30, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF).  Ainda conforme o BPMOA, há crianças entre as vítimas.

Além das 19 mortes, buscas por possíveis vítimas que tenham sido ejetadas seguem no local. O motorista do ônibus de 67 anos, sobreviveu ao acidente e foi ouvido na Delegacia de Guaratuba.

*Com informações do Portal BandaB

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

AVANÇO

Em apenas um dia, Guarapuava confirma 4 mortes por covid-19

ATENÇÃO

5ª Regional de Saúde registra primeiro caso suspeito de Zika Vírus

FOLIA DO BEM

Shopping 'Cidade dos Lagos' entrega doações à Associação Canaã

Comentários